Articulador

Por que o uso do Articulador é importante na hora do diagnóstico?

O articulador vem ganhando mais espaço na área da odontologia por proporcionar uma visão mais aprofundada da situação de cada paciente. Enquanto um simples exame clínico não é capaz de mostrar detalhes fundamentais para um diagnóstico apurado, o articulador evidencia esses detalhes, que não são fáceis de serem notados.

Uma consequência imediata disso são diagnósticos precisos e pacientes mais satisfeitos. Pacientes satisfeitos, por sua vez, criam uma importante base de confiança, a qual irão nutrir por muito tempo. Dessa forma, será você a quem eles irão recorrer quando precisarem, e por certo o recomendarão para outras pessoas!

Um trabalho bem feito sempre gera bons resultados: imediatos e duradouros. Então, vejamos neste blog um pouco mais sobre os benefícios de um articulador.

Articulador: indo até a origem do problema

Não são todos os diagnósticos que necessitam do uso do articulador, já que muitos são de natureza bastante simples. Como é o caso de acontecer um trauma dental. O paciente caiu, bateu o dente e, por isso, ele quebrou ou ficou mole. A causa do problema neste caso é clara: a pancada.

A questão se torna outra quando o dente começa a doer de repente, sem que haja uma causa clara para isso. Esse diagnóstico já não é tão fácil de realizar.

É fácil dizer que o dente quebrou, mas por que ele quebrou? Falhar em encontrar a origem do problema é o mesmo que permitir que ele volte a se repetir.

Não é à toa que as reabilitações estéticas, por exemplo, têm um alto índice de falha. E isso em razão da falta de orientação adequada do dentista para que o tratamento solucione de fato o problema.

Com um articulador, é como se o dentista tivesse a boca do paciente em suas mãos. Isso porque o instrumento permite reproduzir os movimentos e as relações maxilo-mandibulares da boca, mas em laboratório. Com isso pode-se estudar detalhadamente a oclusão do paciente, a fim de investigar e montar um plano de tratamento realmente efetivo.

Assim, não é mais o problema aparente que é consertado. Passa a existir ganhos mecânicos e biológicos reais para o trabalho!

Outro ponto que deve ser esclarecido é que não existe uma fórmula para determinar se o uso do articulador será ou não necessário. Cabe avaliar a situação de cada paciente. Individualmente. Muitas vezes a pessoa vai ao seu consultório à procura de um simples clareamento, mas é fundamental sempre realizar um exame clínico, independente da situação.

O importante é não deixar de usar o articulador por considerar a montagem pouco prática. Com o tempo ela se tornará mais fácil. Então pratique, pois a experiência é tudo!

Os ganhos do uso do articulador durante o diagnóstico

Diagnósticos equivocados são um problema grave. Um paciente que procura seu consultório pela primeira vez para resolver um problema pode até repetir a visita caso o problema volte a se repetir. Mas em uma terceira vez, é inevitável que o auxílio de outro profissional seja buscado.

Mas, a partir do momento que se adota o uso do articulador, você passa a ter mais certeza de seus diagnósticos. Com isso, você dificilmente irá perder pacientes.

O uso do articulador envolve um estudo mais aprofundado, e isso passa mais segurança. Além disso, com o tempo, vai se tornar cada vez mais fácil de explicar ao paciente o que está de fato acontecendo — e com propriedade!

Assim, você ganha a confiança dos clientes e aumenta as chances de fidelização. Afinal, a vida de alguém pode estar sendo mudada. E é fácil perder a visão do todo quando uma pessoa vai ao seu escritório pela primeira vez. Mas ela pode estar procurando a solução há muito tempo. Conseguir dar isso a ela pode ser um grande alívio!

Então não perca tempo e adquira já o seu articulador! E faça isso com quem entende do assunto. A OdontoMaster, com toda a sua experiência, está sempre pronta para oferecer o que há de melhor para você e seus pacientes. Produtos de qualidade? É com a Dental OdontoMaster!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.